Amor, Um Verbo Em Ação.

 

heart 915562 1920

Normalmente falamos em amor, como um sentimento impar, diferenciado. Mas, me recordo que amor, tomando sua definição tem termos bíblicos, é um verbo em ação – amar. E amar implica um conjunto de ações que demandam tempo, investimento de energia, disponibilidade, partilha, presença e pertencimento. Desde um abraço acolhedor, a uma escuta atenta, uma convivência autêntica e gestos cotidianos de cuidado e carinho, amar precisa ser um verbo conjugado no presente, na concretude da vida.

Ama quem caminha ao lado, quem segura à mão, quem está presente, quem apoia e compreende. Ama quem faz planos em comum e os ajuda a construir. Ama quem está disponível e atento as transformações de cada dia, e seja na tristeza ou na alegria, na saúde ou na doença, na riqueza ou na pobreza, nos desafios ou grandes alegrias, ama de igual modo, com a mesma disponibilidade, encanto e paixão. Ama quem cultiva, cuida, reinventa a convivência. Ama quem sabe que desafios fazem parte e jamais deixa que as divergências mudem ou afoguem o sentimento, na indiferença ou no distanciamento.

Amar implica em crescer como pessoa, ser humano, num exercício constante de uma escolha que já está feita e não pode ser abalada pelas vicissitudes da vida – nas mudanças, alternâncias, instabilidades – permanece constante, como um porto seguro, apesar dos eventuais caos existênciais.

Talvez, tenhamos de aprender a amar, amando. Exercitando o verbo na recriação do gesto de aproximação, no reconhecimento das limitações, no exercício do diálogo aberto, no partilhar as coisas da alma, com sinceridade, com vontade de construir pontes e aproximação, ao invés de muros de distanciamento.

As vezes as cores do amor se desbotam, por falta da ação cotidiana em cultivá-lo como expressão,  na ação. Mas, a consciência pode ser um convite para amar mais e melhor, para recuperar o encanto e a força de seu poder em renovar a nossa vida.

Desejo que possamos aprender a amar mais e melhor. Isso me recorda uma música:

Dias Melhores

Jota Quest

Vivemos esperando dias melhores 
Dias de Paz 
Dias a Mais 
Dias que não deixaremos para trás

Vivemos esperando 
O dia em que seremos melhores 
Melhores no Amor 
Melhores na Dor 
Melhores em Tudo

Vivemos esperando 
O dia em que seremos 
para sempre


Vivemos esperando 
Dias Melhores pra sempre

Se temos essa expectativa, temos de fazê-la acontecer.

É isso que desejo a todos nós: que possamos constituir dias melhores, que sejamos melhores conjugando o verbo amar, em ação.

Christina Rocha

{jssocials}


Imprimir  
0
0
0
s2sdefault